home Sem categoria O que é Order Management System/OMS?

O que é Order Management System/OMS?

Order Management System – OMS

Um OMS – Order Management System – em tradução livre, Sistema de Gerenciamento de Ordens, é uma solução baseada em software que permite a conexão entre participantes do mercado financeiro, sobretudo utilizando o protocolo FIX para a troca de mensagens para execução de ordens de ações, futuros, derivativos, câmbio e outros valores mobiliários. No Brasil, as soluções de OMS são amplamente utilizadas em negociação junto a BM&FBOVESPA.

Se precisar, fale agora mesmo pelo WhatsApp (, pelo telefone: +55 34 9 9876 9980 ) com um especialista da Cedro sobre este serviço.

Uma solução de OMS tem como objetivo facilitar o controle e o gerenciamento das ordens de negociação eletrônica enviadas ou recebidas. As soluções de OMS podem ser utilizadas tanto por uma corretora (sell-side), quanto por algum participante do mercado (buy-side), dentre eles clientes finais, gestores, tesourarias e fundos.

Principais características de um OMS

O principal objetivo de um OMS é permitir o gerenciamento de ordens de uma instituição, seja no envio, recebimento, controles, execução (Execution Reports), cancelamento, supervisão das ordens, trilhas, logs, risco e auditoria.

Em geral os sistemas de OMS implementam controles de riscos e limites, onde os usuários podem controlar exposição de risco e limitar erros operacionais (estes controles são conhecidos como Fat Finger). Permite receber ordens de diversos sistemas e roteá-las ao destino correto: pode ser uma bolsa de valores, um pool de negociação, balcão de negócios ou até mesmo para outra corretora.

Em geral também implementam funcionalidades de ordem administrada e algo trading. Funcionalidades de backoffice como posição de cliente, daily position e funcionalidades de custódia e posição financeira.

Geralmente os OMS utilizam o padrão de mensagens FIX Protocol para permitir que serviços de terceiros possam se conectar (enviar e receber informações).

OMS no Brasil

No Brasil, muitas soluções de OMS já estão integradas ao Sinacor (solução de backoffice) provida pela BM&FBOVESPA às corretoras de ações e futuros e distribuidoras de títulos. Esta integração permite a leitura automática de posição, garantias e financeiro e as soluções de OMS implementam, em geral, o conceito de DMA, Direct Market Access, em tradução livre – Acesso Direto ao Mercado.

DMA permite que um cliente final (investidor) possa se conectar diretamente ao ambiente de negociação eletrônica da BM&FBOVESPA ou outros mercados que ofereçam o serviço. No Brasil há 4 modelos de DMA.

Solução para Order Management System – Cedro Crystal Broker

Cedro Crystal Broker é uma solução desenvolvida pela Cedro com foco em roteamento de ordens (OMS – Order Management System) e que tem sido utilizado pelas Corretoras de Valores BM&FBOVESPA para trading, pré e pós-trading.

Diversas instituições brasileiras têm adotado esta solução para controle, recebimento e envio de ordens aos mercados da BM&FBOVESPA.

A solução roda em plataforma Windows ou Linux. O Crystal Broker foi desenvolvido com apoio da Universidade Federal de Uberlândia para ser uma robusta e performática solução de roteamento de ordens. Corretoras podem adotar controle de limites e risco em modelo institucional ou varejo, conforme as suas necessidades.

API para envio de ordens para a BM&FBOVESPA

A solução Crystal Broker provê uma interface em FIX Protocol. Esta interface permite que aplicações de terceiros possam realizar o envio de ordens para o ambiente de negociação eletrônica BM&FBOVESPA em mensageria FIX Protocol (Financial Information eXchange Protocol).

Todas as APIs do Crystal Broker estão disponíveis por intermédio da plataforma Anywhere. As APIs podem ser acessadas em diversos protocolos como FIX Protocol, Websockets e serviços RESTful (este a partir de setembro/2016).

A solução Crystal Broker é alimentada automaticamente pelo Market Data da BM&FBOVESPA por intermédio dos serviços da Cedro para market data.

Como utilizar o Cedro Crystal Broker OMS

Você pode utilizar o Cedro Crystal Broker implementando-o em sua instituição financeira (sell-side) ou como investidor (buy-side).

Você também pode simplesmente se conectar ao Crystal Broker pelas APIs e FIX Protocol, conseguindo assim enviar ordens para a BM&FBOVESPA por meio de dezenas de corretoras brasileiras.

Quer começar?

Para iniciar a implementação ou certificação de sua solução com o Cedro Crystal Broker e acessar o PUMA Trading System da BM&FBOVESPA, é só entrar em contato por aqui ou enviar um e-mail para servicedesk@cedrotech.com.

Tem algum outro desafio?


Gostou? Compartilhe:

Rodrigo Santos

Rodrigo Santos

Rodrigo Santos é co-fundador e vice-presidente da Cedro Technologies. Atua desde 2005 no desenvolvimento de sistemas, banco de dados e produtos para o mercado financeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *