O que é compliance e como utilizar ferramentas para auxiliar neste processo

Compliance é um termo que está em grande evidência no mundo corporativo. Esse cenário ganhou mais visibilidade com os casos corrupção envolvendo agentes públicos e colaboradores de empresas privadas. Por isso, as empresas começaram a explorar mais a necessidade de um trabalho mais incisivo para a prevenção de fraudes, riscos, lavagem de dinheiro e manter a imagem e reputação de suas instituições. Neste artigo, vamos explorar um pouco mais sobre o que é compliance. Continue a leitura!

O que é compliance? 

Compliance é um termo em inglês, derivado do verbo to comply (with) – que pode ser entendido como agir de acordo com as regras, as expectativas, um comando, um pedido… Isso explica grande parte do conceito da palavra. Seu significado está atrelado à conduta de uma instituição e como é a sua adequação às normas e legislações dos órgãos públicos de regulamentação (como a LGPD).

Em suma, compliance é garantir que a empresa esteja em conformidade com as normas e legislação e que mantém sua atuação íntegra.

Diversos fatores podem influenciar negativamente nos resultados dos negócios:
– instabilidade no mercado financeiro,
– escândalos de lavagem de dinheiro e corrupção,
– decisões políticas,
– instabilidade econômica internacional,
– flutuação cambial,
– infraestrutura precária,
– e burocracia tributária.

Por isso, com a preocupação de envolvimento direto ou indireto da empresa com corrupção e lavagem de dinheiro, o trabalho de compliance busca mais ações para tornar a análise de informações mais eficaz e eficiente, antecipando qualquer sinal de risco.

Se sua empresa está aplicando compliance, significa que existe transparência e maturidade de gestão elevada. Também mostra que a empresa está atenta para manter conformidade com as exigências legais e internas.

Já a empresa que ainda não possui compliance está se correndo grandes riscos de maneira desnecessária, que podem gerar perdas financeiras, de imagem, patrimoniais e muito mais.

É preciso refletir e mudar a gestão, ajustar a forma como as informações da empresa são tratadas e como as pessoas se comportam no dia a dia, visando alcançar nível de excelência em compliance independentemente do segmento de atuação e do tamanho da empresa.

Quais são as funções realizadas pela área de compliance? 

A área de compliance de qualquer organização é responsável por diversas atividades para garantir a prevenção à riscos e a conformidade com as legislações. Diversos procedimentos como KYC, AML/PLD, Due Diligence, Background Check, PEP (Pessoa Politicamente Exposta) estão intimamente ligada às funções de compliance. Veja quais são:
Estabelecer procedimentos internos e padrões de conduta
As normas e políticas são umas das principais ferramentas para que o trabalho de compliance seja bem feito. Por isso, para desenvolver os padrões de conduta e procedimentos internos, é preciso considerar diversos aspectos:

– a cultura organizacional,
– a área de atuação da empresa,
– o perfil dos colaboradores,
– as legislações e normas das reguladoras do setor.

Com a definição, as normas internas devem ser divulgadas para todos os funcionários da empresa, em todos os níveis e que estejam numa linguagem de fácil entendimento.

Monitorar e realizar auditorias 

Esse é um trabalho que deve fazer parte das atividades do cotidiano, todos os dias, para encontrar padrões organizacionais ou qualquer mudança que deva ser acompanhada pela equipe.

Investigar e reportar qualquer suspeita 

Seja por percepção própria dos profissionais de compliance, seja por indicação de outro colaborador, todas as denúncias devem ser encorajadas e investigadas. Isso é fundamental para manter a transparência na empresa e garantir que não haja retaliação aos denunciantes.

Aplicar medidas disciplinares 

A determinação de medidas disciplinares é essencial para o trabalho. Seja para um colaborador ou para um novo cliente, é preciso que as políticas e procedimentos também determine a maneira como proceder em caso de descomprimento. Isso auxilia o negócio a manter sua seriedade e transparência.

Utilize ferramentas para auxiliar nas atividades de compliance 

O trabalho de compliance pode ser muito repetitivo e depender do acesso a diversas fontes de dados. Além do trabalho de definições e regulações internas, também depende de informações para complementar esse trabalho.

Por isso, a tecnologia deve ser utilizada como uma alinhada para a área de compliance, já que está diretamente relacionada com a segurança de dados e outras informações importantes/sensíveis da corporação. Ao utilizar ferramentas tecnológicas, a equipe consegue trabalhar melhor para evitar fraudes e garantindo mais assertividade na tomada de decisões.

Aplicada de diversas maneiras, a tecnologia atua para automatizar processos e acelerar a geração de resultados. Na consulta e validação de dados, por exemplo, uma ferramenta pode encontrar informações rapidamente e compilar informações para que a equipe tenha mais tempo para analisar relatórios e tomar decisões importantes e efetivas para o negócio.

Conheça o Data Engine 

A Cedro Technologies, entendendo essa necessidade dos negócios para consulta e validação de dados dos negócios, desenvolveu a plataforma de apoio a compliance e Know Your Client Data Engine.

Com o Data Engine, sua equipe pode acessar diversas informações a partir de fontes de dados e gerar relatórios completos em cerca de cinco segundos, utilizando apenas informações como CPF ou CNPJ. Além de automatizar o processo, permite que seus colaboradores foquem no que realmente importa: a análise e tomada de decisões.

Com uma série de fontes de dados integradas ao Data Engine, seu negócio pode vincular ao legado e outros providers exclusivos da sua empresa para condensar todas as informações num único dossiê.

Seu negócio pode utilizar o Data Engine direto pelo site https://www.dataengine.com.br, tanto através de computadores ou dispositivos móveis (toda a interface é responsiva a dispositivos móveis).

Se sua empresa possui um grande volume de consultas diárias, a API do Data Engine é uma solução mais adequada e que é integrada aos software de gestão que sua equipe já utilizam internamente.

Quer conhecer mais sobre essa ferramenta? Fale com nosso time de especialistas!

https://michaellira.jusbrasil.com.br/artigos/112396364/o-que-e-compliance-e-como-o-profissional-da-area-deve-atuar

Entenda o que é compliance nas empresas e a importância desse conceito

O que é Compliance? Tudo que você precisa saber!

https://home.kpmg/br/pt/home/insights/2018/06/pesquisa-maturidade-do-compliance-no-brasil-3a-edicao.html

https://assets.kpmg/content/dam/kpmg/br/pdf/2018/06/br-pesquisa-maturidade-do-compliance-3ed-2018.pdf.

O que é Compliance? Entenda o seu poder para a TI