home Sem categoria O que considerar antes de implantar Cloud Computing

O que considerar antes de implantar Cloud Computing

Cloud computing é apontada por vários especialistas em tecnologia como uma das tendências que causará maior impacto nos próximos anos para quem trabalha com TI e em toda a cadeia de negócios. Os serviços executados na nuvem são mais rápidos, escaláveis e com um alto grau de confiabilidade. Nesse sentido, a sua adoção passou a ser vista como uma ferramenta estratégica para empreendimentos que pretendem reduzir os custos operacionais do departamento de TI sem perder competitividade e, ao mesmo tempo, ganhando produtividade.

Entretanto, o uso de uma solução de computação em nuvem exige planejamento. Gestores devem avaliar corretamente as opções disponíveis no mercado e, junto com líderes de outros setores, encontrar a ferramenta ideal de acordo com as necessidades da empresa antes de implantar cloud computing. Quer saber como isso é possível?

Conheça suas demandas

A forma como as plataformas de cloud computing são criadas permite a execução de uma grande quantidade de serviços na nuvem. Ferramentas de virtualização, backup, cloud storage e gestão empresarial são apenas alguns exemplos de como o cloud computing pode ser levado para dentro de um empreendimento. Diante disso, é importante que a empresa saiba quais são as áreas que precisam de melhorias para definir a melhor opção para o negócio.

Empresas que precisam executar softwares legados ou testes de desenvolvimento podem utilizar a virtualização como forma de simular ambientes virtuais com mais precisão e melhor performance. Já companhias que buscam aumentar a mobilidade de seus funcionários podem implementar uma ferramenta de cloud storage. Da mesma forma, quem busca mais segurança para os seus arquivos pode adicionar o cloud backup às suas políticas operacionais.

Conheça bem o seu prestador de serviços

Uma vez definida a ferramenta que será utilizada pela empresa, o gestor de TI deve conhecer o máximo de detalhes sobre o trabalho dos prestadores de serviço da área. O histórico da empresa, assim como o feedback dos usuários, por exemplo, é útil para entender como a companhia lida com os seus parceiros comerciais em momentos de crise e a capacidade de trabalho do seu suporte.

Verifique também as opções de segurança disponíveis. Uso de softwares de criptografia e protocolos de segurança são essenciais. Dê preferência para as empresas que possuem suporte a autenticação de múltiplos fatores e políticas de controle de acesso rígidas, aumentando a capacidade do gestor de TI isolar os dados mais sensíveis.

Melhore sua infraestrutura e capacite usuários

A preparação do ambiente interno para a adoção de uma plataforma de serviços na nuvem é crucial para o sucesso dos novos serviços. Nesse sentido, gestores de TI devem não só treinar os colaboradores que usarão as ferramentas no dia a dia, mas também preparar o suporte ao usuário, para que os técnicos possam atender às principais demandas dos funcionários.

A infraestrutura de rede deve ser reavaliada, pois serviços de cloudcomputing dependem de uma boa conexão para que possam ser utilizados em sua plenitude. Diante disso, peças que não funcionam corretamente ou sistemas de controle podem ser otimizados, para garantir o melhor desempenho sempre.

Por último, as rotinas de segurança devem estar preparadas para monitorarem um tráfego de rede maior. Diante do aumento da circulação de dados nas redes internas, o gestor de TI deve ampliar o alcance dos serviços de monitoramento, garantindo a confiabilidade das ferramentas empresariais.

Quer saber mais sobre outras tendências de TI? Leia o nosso post sobre o assunto!

Gostou? Compartilhe:

Zillion Tecnologia

Zillion Tecnologia

A Zillion Tecnologia foi fundada em 1994, em Uberlândia-MG, com a proposta visionária de tornar-se uma das principais empresas de TI.