home Sem categoria Millennials: a geração digital que valoriza a experiência

Millennials: a geração digital que valoriza a experiência

Os jovens adultos de hoje agrupam um conjunto de experiências e ligação muito mais próxima com a tecnologia: são os Millennials! Neste artigo, explicamos melhor para você quem são os sujeitos dessa geração e o que a sua empresa precisa oferecer para atendê-los.

Quem são os millennials?

Millennials é um termo guarda-chuva que representa uma faixa etária e demográfica da população mundial. Não existe consenso quanto a uma data exata, mas é comumente referido como aqueles que nasceram nas décadas de 1980 e 1990.

Essas pessoas foram inseridas na internet no final da infância ou adolescência e se tornam ou estão se tornando adultos inseridos em uma época de grandes avanços tecnológicos e prosperidade econômica, principalmente em ambientes urbanos. Claro que existem experiências diversas dentro desse grupo, mas o principal fator que os une é a Internet.

Também conhecido como geração Y, esse grupo de (hoje) jovens adultos foi a primeira geração mergulhada na tecnologia, em um modelo de sociedade cada vez mais globalizada e conectada. Por isso, millennials têm uma relação muito mais próxima com a tecnologia, utilizando-a como principal fonte de informações e sociabilidade.

A experiência como catalisadora para os millennials

Como uma geração que cresceu online, millennials aprenderam a utilizar a internet para consultar informações, antes mesmo de perguntar a outra pessoa, professor ou, até mesmo, seus pais.

As informações são obtidas a alguns cliques no smartphone ou computador. A ideia de ser interrompido por um anúncio é mais incômoda. Esse modelo muda toda a lógica, o mindset do consumo.

A cultura de consumo se adequa à medida do desenvolvimento da sociedade. Técnicas e metodologias de marketing e vendas, por exemplo, vão se adaptando a essa nova realidade. Relacionamento com a marca e conteúdo interessante são grandes chamarizes para mostrar autenticidade — fundamental para o criar vínculo.

Prova dessa característica é a nova versão bem humorada do jogo de tabuleiro Monopoly: o Monopoly for Millennials. Ao contrário da sua versão original, o objetivo não é ser o vencedor que compra mais imóveis e outros bens ao longo da partida. O ganhador, na verdade, é quem mais acumula experiências.

Projetando Design UX para Millennials

A experiência do usuário é um fator fundamental para os millennials. UX (User Experience) é o mindset que deve orientar o desenvolvimento de toda a jornada do usuário em uma interface. O foco da produção agora é em como as pessoas utilizam os sistemas, de forma a tornar tudo isso mais positivo e favorável para o cliente.

Priorizar a experiência do usuário significa se apoiar em testes A/B. Assim, é possível determinar as melhores trajetórias de funcionamento de um sistema. Além disso, aproveita-se a riqueza de dados de comportamento do público disponíveis no meio digital.

Portanto, aplicado ao ambiente online, UX deve abarcar todos os fatores que contribuem para a percepção geral de quem utiliza um sistema. É rápido, atraente e intuitivo? As necessidades dos clientes são atendidas? Essa estratégia deve considerar preferências, crenças, emoções, percepções, respostas físicas e psicológicas do usuário.

Para ajudar no seu trabalho tão exigente com suas experiências, ressaltamos algumas características essenciais para que seus produtos e/ou serviços sejam millennial-friendly.

Precisa ser rápido

Millennials não têm tolerância com plataformas lentas! Com diversas marcas oferecendo outras experiências que eles podem escolher, rapidamente abandonam seu negócio se é demorado, não carrega rápido ou não responde rapidamente.

Para instituições financeiras, por exemplo, o processo de abertura de contas online é uma necessidade. Millennials não querem perder tempo enfrentando filas em agências para obter algo relativamente simples. Por isso, o processo online também deve ser ter um formulário de cadastro direto e, principalmente, uma resposta de aprovação rápida.

Otimize para mobile

Millennials são a geração que mais utilizam smartphones. Jovens adultos acessam conteúdos diversos direto de seus dispositivos móveis pela praticidade. Se seu site não é responsivo e otimizado para acesso mobile, logo vai ser desconsiderado. Portanto, seu negócio deve considerar construir seu site primeiramente para mobile e, depois, adaptá-lo para acesso desktop.

Millennials não acessam seu site diretamente da homepage

A geração Y é ligada principalmente nas mídias sociais. Mesmo com as mudanças de algoritmos frequentes das principais redes sociais, grande parte do acesso a site de marcas e veículos de mídia ainda é originado a partir delas.

Outro aspecto primordial é a otimização para os mecanismos de buscas. Suas páginas devem ser encontradas no Google, com facilidade. A partir daí, sua navegação deve ser intuitiva e atraente para estimular o usuário a acessar outras páginas ou cair em uma landing page (página de conversão).

Ter um site bom, simplesmente, não é o suficiente. Redes sociais e mecanismos de busca precisam ser seus aliados para que você alcance os millennials.

Não obrigue millennials a baixar mais um app

Com seu site muito bem otimizado para acesso mobile, fica claro que mais um app não é necessário. Os aplicativos podem oferecer muitas vantagens para controlar a experiência do usuário e coletar dados. No entanto, a tendência é a diminuição dos downloads. Millennials já possuem muitos apps em seus smartphones.

Como já dissemos anteriormente, você precisa tornar seu site encontrável. Chatbots, por exemplo, já estão substituindo os aplicativos. Essa ferramenta é uma excelente alternativa para resoluções rápidas, sejam dúvidas ou consultas de informações sobre seu produto/serviço. A comunicação da sua empresa fica mais próxima de seu público.

A melhor maneira é estar nos aplicativos de mensagem que seus clientes já utilizam e os millennials são grandes adeptos de Whatsapp, Messenger, Telegram, entre outros. Trabalhar com uma proposta de atendimento omnichannel também é importante para sua empresa, de forma a gerenciar todas as interações tidas pelo seu chatbots, nas diferentes plataformas, e também integrado ao atendimento humano.  

Gostou? Compartilhe:

Gabriel Rodrigues Alves Santos

Gabriel Rodrigues Alves Santos

Analista de Marketing Jr na Cedro Technologies. Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU).