Criptomoedas: veja como investir sem medo

17 / 02 / 2022

Criptomoedas: veja como investir sem medo

As criptomoedas surgiram em meados de 2008 quando o mercado norte-americano estava se recuperando da pior crise econômica desde a Grande Depressão. A partir daí já ouvimos falar de diversas criptos, sendo as mais conhecidas: Bitcoin (BTC), Ethereum (ETH), Ripple (XRP), Polkadot (DOT), Cardano (ADA) e Tether (USDT). 

Mesmo que uma década tenha se passado desde a criação das criptomoedas, ainda é comum encontrarmos pessoas inseguras sobre como investir nesses ativos. Principalmente, sobre quais cuidados tomar na hora de fazer a escolha.  

Você sabe como investir em criptomoedas? Se a resposta for não, não se preocupe! O post de hoje foi escrito para esclarecer tudo que é preciso para você começar os seus investimentos de forma prática e segura.

Confira!       

Como investir em criptomoedas

As criptomoedas nada mais são do que moedas no formato digital. Isso significa que só podem ser acessadas com as chaves de cada usuário e que as operações de compra e venda só são realizadas por meio da internet.

Atualmente, existem muitas formas de se investir nas moedas digitais. As principais são: comprar cotas de fundos de criptomoedas, negociá-las diretamente com uma operadora especializada e fazer a mineração.

A primeira alternativa (adquirir cotas de fundos) é considerada a mais prática porque o fundo possui profissionais especializados em analisar criptos, e selecionar as moedas com maior potencial de ganho.

Entretanto, se o investidor quer ter autoridade para movimentar seus próprios investimentos, o ideal é que faça uma conta em uma operadora especializada e negocie os ativos pessoalmente.

Como a mineração representa a criação de novas unidades de moedas digitais e requer conhecimento para resolver equações matemáticas altamente complexas, não é considerada a opção mais prática para os investidores iniciantes.   

 

Como avaliar em qual moeda investir

De acordo com a CoinMarketCap, consultoria especializada em criptomoedas, existem mais de 4 mil moedas digitais diferentes em circulação. No entanto, é importante dizer que nem todos esses ativos possuem valor de compra ou são interessantes.

Para o investidor não correr o risco de fazer uma aquisição errada, ele precisa saber avaliar a qualidade das criptos que realmente são interessantes. E, nesse caso, deve considerar os seguintes pontos:

1- Proposta da moeda

Cada moeda digital surge de um projeto que pode (ou não) se tornar realidade. O Bitcoin tem como proposta funcionar como uma moeda descentralizada, sem uma instituição financeira. A Aave (AAVE), por outro lado, quer introduzir o conceito de empréstimos no mundo das criptos com taxas menores do que o sistema financeiro tradicional. 

Existem projetos para todos os tipos de mercado. Assim sendo, o ideal é que o investidor sempre leia a proposta dos ativos para analisar se a ideia da cripto é realmente promissora.

2- Roadmap

Antes mesmo de uma criptomoeda ser criada, a equipe de desenvolvimento precisa ter um planejamento estratégico para certificar que o projeto será colocado em prática e que continuará ganhando o mercado. 

Chamamos esse planejamento de projeto de Roadmap, e ele também precisa ser considerado durante a análise do investidor porque mostra se a cripto realmente tem potencial de crescimento e se vale a pena a aplicação. 

3- Open source

O open source está relacionado ao acesso do código-fonte. Ou seja, capacidade das pessoas acessarem o cripto ativo. 

Esse ponto também precisa ser levado em consideração durante a análise de qualquer perfil de investidor porque mostra se a criptomoeda pode se tornar popular em algum momento. E, assim, alcançar maior valorização.  

4- Equipe de desenvolvedores

Os desenvolvedores são responsáveis pela criação da criptomoeda, monitoramento e elaboração do planejamento do projeto. Se o investidor escolhe um ativo com uma equipe despreparada, que garantia vai ter que as ideias serão tiradas do papel e a cripto continuará ganhando mercado? 

Analisar a equipe é importante para certificar a continuidade da proposta. Mas também para trazer tranquilidade e segurança para o patrimônio do investidor. 

5- Valor de mercado

O mercado de criptos possui alta volatilidade, por isso analisar o valor de mercado é uma dica importante para investir em moedas mais conhecidas e, por vezes, mais seguras.

As criptomoedas com maior valor de mercado geralmente são aquelas que possuem mais dinheiro investido. É a única coisa que precisa ser avaliada? Não!  Mas uma cripto com boa capitalização é um indicador que pode ajudar a evitar a perda total do patrimônio aplicado. 

Quais são os cuidados para investir  

Agora que já explicamos como investir e avaliar uma criptomoeda, veja quais são os cuidados necessários na hora de fazer os investimentos: 

1- Escolha uma operadora confiável

Quando você compra criptomoedas você recebe um código pessoal para poder fazer as transações. Para não cair em nenhum golpe e perder o dinheiro, escolha uma operadora séria e confiável, e que seja capaz de garantir a segurança da sua carteira. 

2- Não tenha pressa

Às vezes, em um momento de baixa ou desespero do mercado, o investidor pode comprar ou vender na emoção. E isso não é um bom comportamento. Respirar fundo na hora de fazer as operações pode ajudá-lo a tomar decisões mais sábias, bem como impedir a compra de ativos acima do valor justo.   

3- Diversifique

A diversificação é outro cuidado que precisa ser tomado na hora de investir em criptomoedas. Colocar todo o patrimônio em um único ativo é ficar exposto e desprovido de defesa. Se você quer dormir tranquilo e resguardar seus investimentos, escolha produtos diferentes e de outros setores para deixar a carteira mais sortida. 

4- Busque conhecimento

O mercado das criptomoedas é promissor e pode ser bastante lucrativo, mas o investidor só consegue ter ganhos realmente expressivos se buscar conhecimento. Não dá para depender unicamente da sorte para ganhar dinheiro, concorda? Procurar cursos sobre carteiras e legislação pode ajudar (e muito) a ter um melhor desempenho. 

Já se sente preparado para começar a investir em criptomoedas?

Se gostou desse conteúdo, continue lendo o nosso blog para se manter atualizado sobre o mundo dos investimentos e tecnologia. 

Deixe uma resposta