home Sem categoria Conheça a aplicação de bots e outras 5 tendências do RH 4.0

Conheça a aplicação de bots e outras 5 tendências do RH 4.0

A tecnologia tem sido a mola propulsora de muitas transformações na sociedade. No contexto corporativo, especialmente, tem impulsionado mudanças na forma como as empresas se estruturam e fazem negócios. Elas adotam soluções de software, novas plataformas e diversas outras inovações, a exemplo dos chatbots. A estratégia leva ao aprimoramento de processos, à criação de novos produtos e à adoção de diferentes métodos de trabalho.

A área de Recursos Humanos também busca acompanhar essa transformação digital em curso. A cada ano, o RH é desafiado a conhecer e incorporar novidades.

Os bots, por exemplo, surgem como potenciais assistentes do setor, uma vez que podem simplificar e otimizar as atividades, sem comprometer a qualidade do atendimento prestado aos colaboradores.

Josh Bersin, diretor e fundador da Bersin, braço de pesquisa do negócio de capital humano da Deloitte, elencou as principais tendências de RH para 2018: agilizar processos, tornar a rotina dos colaboradores mais produtiva, modernizar tarefas e aumentar a assertividade na tomada de decisões.

Mas e na prática: como reconhecer e dar conta de todos esses desafios? Não é tão difícil assim. É preciso dar o primeiro passo rumo à transformação digital voltada para o RH. A seguir, você confere as principais tendências para a área. Depois, é só traçar a estratégia, fazer as melhores escolhas e executar as ações, pensando em construir o RH 4.0, mas, especialmente, em engajar os funcionários.

Ambiente de trabalho informal e sem dress code

Com a entrada da geração Z no mercado de trabalho, as empresas estão substituindo o dress code tradicional por um cada vez mais flexível. Algumas startups, inclusive, já o aboliram, conferindo total liberdade aos colaboradores na hora de se vestir.

Mas não é apenas nesse ponto que a empresa ganha traços de informalidade. Os ambientes de trabalho também vêm sendo transformados. Cada vez mais descontraídos e alegres, eles costumam ter espaço para trabalhar, interagir, fazer as refeições e até mesmo para o sono pós-almoço ou uma partida do videogame. Se motiva o funcionário, porque não oferecer essas possibilidades a ele?

Neste sentido, as startups também apresentam ótimos exemplos. Algumas oferecem até um espaço sweet, com chocolates, balas e guloseimas para os funcionários.

Treinamentos on-line

Um dos pilares do desenvolvimento pessoal dos colaboradores, sem dúvida, é a oferta de cursos de capacitação, workshops e treinamentos. Somente com o incentivo ao aprendizado contínuo, a empresa pode contribuir para o crescimento dos colaboradores. E fazer isso on-line, explorando as ferramentas disponíveis, é o modo de ampliar o alcance, minimizar custos e garantir o acesso aos conteúdos.

Muitas empresas já têm em sua estrutura a universidade corporativa. Ou seja, um núcleo interno criado exclusivamente para oferecer conteúdo de qualidade, focado no aprimoramento e no crescimento dos seus colaboradores, considerando as principais necessidades de formação.

Com uma plataforma e-learning, por exemplo, é possível disponibilizar o conteúdo digital e ainda mensurar o desempenho de cada profissional ao fim dos módulos cursados.

Experiência do colaborador é decisiva para atração e retenção de talentos

Derivada do termo inglês Employee Experience, a experiência oferecida ao colaborador deve ser a melhor possível. Isso porque ela também é estratégica, já que implica diretamente em sua motivação. Se positiva, pode levar ao engajamento e à satisfação. Caso contrário, tende a deixá-lo infeliz e aumentar o turnover.

O lado bom do desafio é que tudo o integra a política de gestão de pessoas contribui, de alguma forma, para a experiência do colaborador dentro da empresa. Não faltam possibilidades para surpreender e encantar as pessoas. O caminho é ser criativo. 

Escritórios abertos, flexibilidade de horário, programas de capacitação e de recompensas, possibilidade de trabalhar remotamente e bons benefícios tendem a definir uma experiência positiva para os profissionais.

Além disso, investir em soluções tecnológicas eficientes – como chatbots – também ajuda os profissionais a realizarem seus trabalhos com mais agilidade e eficiência, melhorando a experiência do colaborador.

Feedbacks sinceros são eficazes e poderosos

O feedback não é nem de longe a ferramenta que mais agrada os profissionais e por uma boa razão: na maioria das vezes ele não é feito da maneira mais correta e honesta. Já pensou que péssimo receber um feedback de um gestor que nem o acompanha no dia a dia? É, no mínimo, injusto e incoerente, mas acontece muito.

A decisão mais acertada é rever o modo como o processo de feedback é aplicado na organização. Os feedbacks horizontais, por exemplo, são feitos entre membros de um time. Desse modo, empoderam os profissionais e oportunizam o crescimento profissional. E é melhor ainda quando eles acontecem de forma natural, em uma conversa, sem necessidade de um protocolo de avaliação por trás.

Outro tipo de feedback que vem se destacando é o ascensional. Ou seja, os funcionários são incentivados a conversar e discutir com seus líderes assuntos que consideram relevantes. Este, porém, requer um esforço dobrado. As pessoas ainda não estão acostumadas a expressar opiniões sobre a gestão para seus líderes. É preciso construir essa prática e fundamentá-la porque ela é capaz de levar ao desenvolvimento real da empresa como um todo.

Benefícios que fazem a diferença

Vale-refeição, plano médico e odontológico e bolsa de estudos. Há um tempo atrás, esse seria o leque de benefícios perfeito para atrair e reter talentos. Hoje, esse mesmo conjunto de vantagens pode ser insuficiente. Os tempos são outros e o estilo de vida e as prioridades das pessoas também mudaram.

Na tentativa de acertar e oferecer o que, de fato, preenche as necessidades dos colaboradores, muitas empresas têm sido inovadoras também na oferta de benefícios.

De planos especiais em academia, assinatura na Netflix, licença maternidade e paternidade estendidas, seguro de saúde para animais de estimação até férias ilimitadas: os exemplos são muitos mundo afora.

É fundamental pensar com criatividade e coerência, respeitando as necessidades do seu time e a cultura da empresa. Não corra o risco de lançar um benefício e só depois se dar conta que era inadequado para os seus funcionários.

O objetivo é atendê-los, motivá-los e mantê-los em conexão com a empresa, sentindo-se felizes por fazerem parte dela.

RH 4.0: conceito, tecnologia e chatbots

Já estamos vivendo a transformação da área de Recursos Humanos, seguindo as tendências da 4ª Revolução Industrial.  Esse é o RH 4.0: inovador, automatizado e estratégico, focando suas atividades em questões centrais para o desenvolvimento da área e da empresa, e não mais em ações manuais.

Usando novas tecnologias como software de gestão e chatbots, o RH pode automatizar as principais funções como folha de pagamento, controle de horários e benefícios e outras atividades manuais e burocráticas. Um bot bem treinado é capaz de fazer, por exemplo, o atendimento do público interno com uma interação natural, de forma muito assertiva.

Assim, o time da área trabalha com foco em questões mais relevantes como atração de profissionais qualificados, melhoria do clima organizacional e retenção de talentos, estratégias que contribuem diretamente para a performance da empresa.

Nasce um novo RH

A partir do momento que a empresa segue as novas tendências e se apropria da tecnologia como suporte para as atividades da área de recursos humanos, começa a nascer um novo RH: digital, inovador, estratégico e centrado, simultaneamente, no bem-estar das pessoas e no crescimento da organização.

Fomentar a reinvenção do setor e dar condições para que ela aconteça é o grande desafio. Os resultados serão sempre os melhores: motivação, engajamento, satisfação, baixo turnover e orgulho de pertencer são apenas alguns deles.

Acompanhe a transformação digital, trabalhe pela atualização do RH e construa uma política pautada no bem-estar das pessoas. Impossível dar errado!  

Gostou? Compartilhe:

Equipe Cedro

Equipe Cedro

Empresa focada em tecnologia e referência em inovação para o mercado financeiro e em soluções de TI e mobile.