Candlestick: o que é e como usar em operações de curto prazo?

Muitos acreditam que o mercado de ações é uma “loteria”. Mas, para os traders, o sucesso no mercado financeiro está mais atrelado à análise de ativos do que propriamente à sorte.  

O Candlestick é uma técnica de análise que pode ser utilizada por qualquer perfil de investidor, inclusive por traders iniciantes.

Se você quer ganhar dinheiro com operações de curto prazo, mas ainda não sabe o que é Candlestick, não se preocupe. Hoje você vai descobrir tudo que é preciso saber para começar a usar esse método de análise ao seu favor. 

Esperamos que goste. Boa leitura!     

Afinal, o que é Candlestick?

Candlestick, que em português significa candelabro ou vela, é um método de análise gráfica para analisar o preço de ativos de renda variável. Foi criado no Japão, em meados do século XVIII, quando o arroz era a principal riqueza no País e os fazendeiros mandavam as sacas do produto para serem armazenadas. 

Em troca das sacas, os fazendeiros recebiam um cupom representativo ao valor do produto, que era cotado com base na técnica Candlestick para analisar os preços de contratos futuros de arroz.

O método de análise técnica foi trazido para o ocidente pelo americano Steve Nison, um famoso trader de ações de Wall Street. Desde então, é utilizado por milhares de investidores que buscam ganhar dinheiro com operações de curto prazo.

Para Steve Nilson, a análise técnica com o Candlesticks pode ajudar a antecipar as mudanças nos movimentos de preços de ativos e a identificar o momento mais oportuno para comprar ou vender as ações.

 

Representação gráfica no Candlestick: como analisar?  

O Candlestick representa a variação gráfica de preços de ativo em um determinado período de tempo. Isso significa que, no gráfico, o investidor pode acompanhar o preço de abertura no mercado de ações, o preço de fechamento, preço máximo (maior preço negociado no dia) e também o preço mínimo.

No gráfico, o Candlestick é representado por um retângulo. Ou seja, uma figura geométrica que tem os ângulos retos e lados paralelos.

Além do formato retângulo, a cor do Candlestick também é um elemento importante que precisa ser levado em consideração pelo trader na hora da análise. 

Se o preço de fechamento estiver abaixo do preço de abertura, por exemplo, isso significa que o candle será de baixa. Logo, terá a cor vermelha. Por outro lado, se o preço de fechamento for maior que o preço de abertura, o candle será de alta e a cor no gráfico será verde.

 

O poder dos Candlesticks

Para Steve Nison, o candle é uma ferramenta que pode mostrar mudanças nas tendências do mercado de ações. Se o investidor souber interpretar essa formação e ajustar as suas estratégias com base nessas mudanças, ele pode comprar e vender ativos no tempo certo. E, com isso, ganhar dinheiro.

Entretanto, utilizar esse método de análise técnica não é um procedimento tão simples. Afinal, requer que o investidor estude e compreenda as principais formações e características do Candlesticks

Ricardo Dallalana, trader e um dos administradores da Arco Trading, desenvolveu um guia para simplificar esses padrões. E, claro, ajudar todos aqueles que buscam ganhar dinheiro com operações de curto prazo. 

Veja agora os 5 padrões de reversão de alta confiabilidade, segundo o trader:

 

1- Piercing Line

Este padrão é formado por dois Candlesticks. Ele indica uma possível reversão de baixa para alta, o que motiva muitos investidores a comprar o ativo já que, no gráfico, o preço atingiu um patamar adequado.

2- Kicking

Essa formação de candle é um sinal forte de que o preço do ativo seguirá em alta. Aqui o Candlestick de baixa é seguido por um espaço e um candle de forte alta. 

3- Abandoned baby

Nessa formação o primeiro candle mostra os ativos vendidos com força e, no segundo dia, essas forças praticamente se igualam. 

Aqui as características do Candlestick não se concentram apenas no corpo, mas também na superfície externa da figura. No candle existem pavios de alta e de baixa que estão ao lado do Doji (padrão que surge quando o preço de abertura é igual ao do fechamento).


4- Morning Star

Assim como na formação Abandoned Baby, o padrão Morning Star também envolve três candles: um de baixa, seguido por um Candlestick de corpo pequeno (ou Doji) e um candle de alta.


5- Three Outside Up

Nesse padrão, o primeiro candle é preto, seguido de um branco com um longo corpo. O terceiro candle também é branco, porém o seu fechamento é mais alto do que o segundo candlestick.


Benefícios da técnica de análise Candlestick

Um dos principais benefícios de usar o método de análise técnica Candlestick é que o trader iniciante pode acompanhar o preço dos ativos com mais facilidade. Afinal, é simples distinguir os candles de alta e baixa devido às suas características como tamanho e cor.

Uma vez que a análise fica mais fácil por meio desse gráfico, o investidor pode atuar de forma mais rápida e estratégica sobre as suas operações aumentando, assim, a oportunidade de ganhar dinheiro.

É claro que dominar o método Candlesticks pode levar algum tempo devido à quantidade de termos novos e padrões. No entanto, se você se dedicar e estudar um pouco por dia, gradualmente ficará mais fácil de fazer a análise técnica e conquistar resultados melhores no mercado financeiro. 

Gostou do tema? Então continue lendo o nosso blog e fique por dentro de todas as novidades sobre o mercado financeiro. 

 

Deixe uma resposta